Sphero…

Alguém já viu isso??? Mais uma “futilidade” tecnológica? Talves sim e talvez não….

Como é um lance robótico, talvez por seu tamanho reduzido pode ser utilizado para localizar pessoas em escombros, ser utilizado para vigilância e outros meios…

 

Vídeo | Publicado em por | Deixe um comentário

TI Bras??!!! Estatal de tecnologia??!!

Olha, o Neto, presidente do SINDPD deu uma declaração que para mim, é controversa…. Ele mencionou que a criação de uma empresa estatal de tecnologia, que ele chamou de TI Bras, seria bom para o setor…. leia o que ele escreveu aqui.

Neto, me desculpe. Tenho uma visão diferente. Por acaso, o que fez as outras empresas que você cita: “Na área de software, 70% das vendas ficaram concentradas em dez empresas. Apenas uma é nacional.”, se destacarem? Em seu país de origem são estatais??? Não.
Em meu ponto de vista, quanto mais o estado estiver fora disso melhor, se existir uma TI Brás essa será mais um engodo para o país, será mais uma “válvula de escape de $$$”, mais um meio para os políticos (que na maioria buscam interesse próprio) favorecem os seus, e não ao povo.
O que realmente precisa ser feito e não é:

  • desonerar a folha de pagamento;
  • diminuir impostos para TI;
  • criar incentivos fiscais para que o empregador auxilie na capacitação de seus funcionários;
  • fazer valer nosso dissidio – que ainda nem decidido foi (leia-se PLR); 
  • criar multas realmente pesadas para empresas descumpridoras das leis trabalhistas (só ao sentir no bolso é que o patronal toma alguma atitude);
  • incentivos fiscais para criar setores e P&D (qual empresa nacional tem P&D hoje? na visão deles isso é só custo);
  • favorecer empresas 100% brasileiras em licitações.

Não precisamos de uma TI Brás, veja a Petrobrás… se gaba de produzir X milhões de petróleo, mas isso não tem trazido benefício algum à população, já que tudo vai pra exportação… ficando aqui nosso combustível “batizado”…
Precisamos do que eu citei anteriormente… fazendo isso, a indústria de TI pode ir pra frente sim…

Publicado em Não categorizado | 1 comentário

Bug na TIBQuery, introduzido no Delphi XE6

Pessoal, um bug foi introduzido (isso mesmo, não existia antes…) nessa versão nova do Delphi. O bug afeta quem usa IBQuery, seu comportamento está errático, às vezes esse componente vai abrir a tela de login do banco de dados ou disparar uma exceção “database is not available”…

A descrição do bug está aqui:

https://forums.embarcadero.com/thread.jspa?threadID=103742&tstart=0

E, graças a Deus, a correção também já está aqui:

http://cc.embarcadero.com/item/29845

Só para cutucar um pouquinho (aliás, ninguém é perfeito – bugs sempre existirão), mas, testes de regressão são lenda né?? 

Se você quizer saber mais sobre testes de regressão, para não acontecer com seu software também:

  1. Leia mais em: A importância dos testes para a qualidade do software 
  2. Leia mais em: Desafios e benefícios da automação de testes – Engenharia de Software Magazine 58 
  3. Leia mais em: Microsoft Test Manager 2010: Gerência de Testes – Revista .Net Magazine 96 

 

Publicado em Não categorizado | Marcado com | Deixe um comentário

Não confunda ser cliente com ser evangelizador…

olá. Faz tempo que não posto coisa alguma, é a falta de tempo de quem desenvolve e quer um lugar ao Sol. Mas as últimas noticias me chamaram a atenção. Sabe aquele lance de dizer que .net é lento? Vc desenvolvedor que só usa Delphi deve achar isso a maior verdade. Pois bem, teremos um .Net native. Isso mesmo, velocidade total agora. Todos os recursos modernos do .net com a velocidade de um aplicativo nativo. No desenvolvimento asp.net teremos serviços rodando no Linux e no ambiente Apple. A Microsoft declarou apoio ao projeto Mono… Ah também teremos as aplicações universais. Escreva uma vez e faça o deploy no Windows, Windows Phone e Xbox One! Eu particularmente creio que ate o fim do ano a MS compra a xamarim – que permite desenvolvimento Mobile multiplataforma nativo usando c#. E no Delphi XE6? Vejo muitos reclamando que esse release deveria ser o 5.1…

Não quero fazer apologia ao .net (eu o uso há bastante tempo) mas é hora de pensarmos no mercado e no apoio que vcs recebem das empresas como embarcadero e microsoft. Isso é comércio, não é religião, analisem e comparem.

não quero discutir quem é melhor ou pior, mas quero propor uma discussão sobre o que essas empresas oferecem e o que nós como clientes ganhamos. Para nossos clientes não lhe interessam se uma solução usa tecnologia X ou Y, eles querem uma solução.

Publicado em Não categorizado | 3 Comentários

2013 in review

The WordPress.com stats helper monkeys prepared a 2013 annual report for this blog.

Here’s an excerpt:

The concert hall at the Sydney Opera House holds 2,700 people. This blog was viewed about 18,000 times in 2013. If it were a concert at Sydney Opera House, it would take about 7 sold-out performances for that many people to see it.

Click here to see the complete report.

Publicado em Não categorizado | Deixe um comentário

Lista de Exercícios

Turma do 5.o ADS, como citado em aula, seguem listas a serem entregues na próxima aula.

Link | Publicado em por | Marcado com | 1 comentário

Rodada de negociações do SINDPD

Bem gente, como quem acompanha este blog, é técnico… vcs devem ter ficado sabendo que começou a rodada de negociações entre o sindpd (se vc ainda não sabe, seu sindicato) e o sindicato patronal. Na primeira tentativa de acordo, olhem isto: o patronal sugeriu 5,3%, menos que a inflação (6,2%)!

5,3%???!!! Nem a reposição da inflação querem fazer… isso mostra o pensamento medíocre e extrativista (sim extrativista, como os colonizadores portugueses fizeram por aqui). Por acaso se esquecem que, o software não gera lucro sozinho? Ah é verdade, na cabeça deles software é um produto de manufatura…  Deixa quem conhece as regras de negócio gritar “independência” e abrir concorrência, para ver o que vão fazer.  Mas é como um colega meu conta… “Você chega no estacionamento da empresa com seu carro, seu golzinho… junto com seu patrão, que chega com uma BMW. Aí você diz, “olha patrão que carrão bonito”, e ele responde: “gostou?” “- sim gostei” você responde. Aí ele diz: “mas a verdade é a seguinte, se neste ano você se esforçar, suar a camisa pela empresa e for um colaborador excepcional, não tenha dúvidas que no ano seguinte, eu troco minha BMW”.  Parece piada, mas essa é a cabeça patronal. E acho que não tem salvas exceções não, porque o cara que os representa, pensa assim. Se tivesse alguém que pensasse diferente, não teriam vindo com essa oferta.

Publicado em Não categorizado | 6 Comentários